quarta-feira, 22 de maio de 2024

Fugitivos de penitenciária no complexo de Alcaçuz são recapturados em Natal

Detentos fugiram da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga no dia 30 de abril e foram recapturados nesta terça-feira (21).

Da redação
Por g1 RN


A Polícia Civil recapturou, em Natal, os dois apenados que fugiram da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na região metropolitana, no dia 30 de abril.

As prisões ocorreram na noite desta terça-feira (21) na Comunidade do Japão, no bairro Quintas, Zona Oeste da capital potiguar. A ação foi comandada pela Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur).

Gustavo da Rocha Dias, 29 anos, e Ricardo Campelo da Silva, de 43 anos, ambos condenados pela Justiça, foram localizados com duas armas de fogo, além de munições e celulares, mais de 20 dias após a fuga. Uma mulher, de 25 anos, também foi presa por furto.


Os foragidos foram autuados pelo crime de posse ilegal de arma de fogo e encaminhados ao sistema prisional. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), a dupla voltará para a penitenciária de onde fugiu.

Na última segunda-feira (18), o comando do 10º Batalhão da PM, havia informado que um dos suspeitos tinha sido visto em Assu, na região Oeste do estado, no último domingo (19). Ainda de acordo com a PM, Gustavo teria deixado 14 celulares para trás na fuga ao cerco.

Na ocasião, a Seap não confirmou que o suspeito visto em Assu se tratava do fugitivo e disse que não comentava diligências ou investigação em andamento.

A fuga

Os dois presos fugiram da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no dia 30 de abril.

Os fugitivos eram internos "qualificados para serviços", como são chamados os "presos de confiança", que realizam trabalhos dentro da penitenciária.


Segundo o secretário de Administração Penitenciária (Seap), Helton Edi Xavir, os dois estavam trabalhando em uma obra no presídio.

O comandante da Polícia Militar do RN, Coronel Alarico Azevedo, disse que os presos utilizaram uma bicicleta após fugirem da unidade prisional. Um vídeo gravado por câmeras de segurança, mostra os presos no meio de transporte.


Uma moradora da região próxima à penitenciária, na comunidade de Alcaçuz, confirmou que teve uma bicicleta furtada na casa por volta das 12h. A bicicleta foi abandonada em uma área de mata.

A presidente do Sindicato dos Policiais Penais do RN, Vilma Batista, disse que no momento da fuga os presos estavam dentro da oficina. "O oficial foi fazer outro serviço e deixou eles dentro da oficina. Tinham todo o aparato", disse.

"Eles serraram o cadeado da cela, entraram na guarita, e serraram o cadeado da guarita. E já estavam fora da unidade. Conseguiram adentrar na vila [comunidade de Alcaçuz] e conseguiram uma bicicleta", completou.

De acordo com a Seap, os dois fugitivos foram vistos juntos no dia 1º de maio em uma casa de praia em Cotovelo, em Parnamirim, na Grande Natal.

terça-feira, 21 de maio de 2024

Educação: Fátima Bezerra inaugura em Natal primeira unidade do Iern

Unidade tem 12 salas de aula, biblioteca, laboratórios, auditório, refeitório, quadra e outros ambientes

Da redação
Por AGORA RN
A governadora Fátima Bezerra (PT) inaugurou nesta segunda-feira 20 a primeira das 12 unidades do Instituto Estadual de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação (Iern). As aulas começaram na sexta-feira passada e retomam nesta terça-feira 21.

No primeiro momento, o Iern Natal vai oferecer os cursos de Técnico em Redes de Computadores e Técnico em Química, totalizando 160 matrículas.

Os cursos foram escolhidos pela própria comunidade em processo participativo, que incluiu plenárias e audiências públicas envolvendo estudantes, comunidade, lideranças locais e o setor produtivo.

“Este é um momento de celebração, de reconhecer o trabalho e o esforço de todos. Não tenho dúvida de que estamos fazendo história neste momento. Os Ierns vão tornar o Rio Grande do Norte referência do Nordeste e do Brasil na educação profissional. Este é meu sonho, o sonho da juventude de Natal. E nos inspiramos naquilo que o Brasil tem melhor, que é o modelo dos institutos federais.”, disse a governadora.

Fátima lembrou que três outras escolas, em fase de conclusão, vão entrar em funcionamento em breve. São elas as de Campo Grande, no Médio Oeste; Jardim de Piranhas, no Seridó Ocidental; e Alexandria, na microrregião de Pau dos Ferros.

O novo instituto dispõe de estrutura que inclui 12 salas de aula, biblioteca, laboratórios, auditório, refeitório, quadra esportiva e ambientes de convivência. O investimento foi de R$ 12,6 milhões.

O estado atualmente conta com 72 instituições de ensino oferecendo educação profissional, com mais de 10 mil vagas disponíveis. Desde 2019, houve aumento de 394%. Até o final de 2024, espera-se que o número de instituições suba para 82, com a conclusão das novas unidades dos Ierns.

Dnit libera desvio na BR-304 e motoristas voltam a passar pelo trecho após 50 dias no RN

Com obra iniciada em 3 de abril, trecho teve prazos de entrega adiados algumas vezes. Obra para reconstrução da ponte destruída por enxurrada na estrada não começou.

Da redação
Por g1 RN


O desvio na BR-304, no município de Lajes (RN), foi liberado nesta segunda-feira (20) para o tráfego de veículos após 50 dias. A informação foi confirmada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit)

A passagem pelo trecho estava interditada desde o dia 31 de março, quando a ponte sobre o rio Ponta da Serra caiu após uma enxurrada.


O Dnit, então, anunciou a construção de um desvio para que os carros pudessem passar pelo trecho até que a ponte seja reconstruída. A obra da ponte não foi iniciada.

O g1 procurou o Dnit para saber se alguma obra segue sendo feita no próprio desvio, mesmo após a liberação, mas não recebeu respostas até a atualização mais recente desta matéria.

Vídeos enviados à Inter TV Cabugi e ao g1 mostraram carros apenas em um dos sentidos passando pelo trecho. O Dnit, no entanto, também não comunicou sobre como passou a funcionar o desvio.


Atrasos na entrega do desvio

A entrega do desvio foi adiada em algumas oportunidades. Inicialmente prevista ainda para o mês de abril, conclusão passou a ser anunciada para início de maio.

Depois, o Dnit informou que o desvio seria concluído, primeiro, no dia 10 de maio e, depois, no dia 15 de maio, o que também não ocorreu.

A autarquia informou que os atrasos ocorreram por contas das chuvas. O desvio começou a ser construído no dia 3 de abril.Neste período, um desvio improvisado aberto dentro de fazendas de Lajes passou a ser uma alternativa usada por motoristas que utilizam a BR-304.

Para acessar o desvio, que tem 2,7 km, os motoristas precisam desembolsar R$ 20, no caso de carros de passeio, e R$ 30 no caso de caminhonetes. Carretas não podem passar pelo trecho.

segunda-feira, 20 de maio de 2024

RN-117: Pai e filho morrem após carro e moto baterem de frente no município de Paraná, RN

Caso aconteceu na tarde de domingo (19) na rodovia RN-117, em Paraná, no Alto Oeste potiguar. Causa do acidente será investigada pela Polícia Civil.

Da redação
Por Inter TV Costa Branca


Pai e filho morreram em um acidente que aconteceu na tarde deste domingo (19) na RN-117, no município de Paraná, no Alto Oeste potiguar. As vítimas estavam em uma moto que bateu de frente com um carro.

De acordo com a Polícia Militar, Francisco Alcimar Dantas, de 40 anos, e Yure Rocha Dantas, de 14 anos, não usavam capacetes, não resistiram aos ferimentos, e morreram no local do acidente após a colisão.

O ocupante do carro tipo Cobalt - usado como táxi - permaneceu no local e fez teste o etilômetro, que não constatou uso de bebidas alcoólicas. O motorista prestou depoimento na delegacia de Alexandria, também no Alto Oeste.

Ainda segundo a PM, as causas do acidente serão apuradas pela Polícia Civil de Alexandria.

13 de Maio de Água Nova/RN, estréia com vitória na Copa Primo Fernanddes

Da redação
Com informações do ESPORTE ÁGUA-NOVENSE


Neste Domingo dia 19 de Maio de 2024,às 18:00 horas no Estádio Nia Torquato em Luís Gomes aconteceu a estreia da equipe do 13 de Maio na Copa Primo Fernandes diante a equipe do Athos da cidade de José da Penha RN.

O JOGO:

Uma partida bastante disputada a primeira chance de gol foi para equipe do Athos em bola parada Junidarly bate passa pela barreira e goleiro Edson faz uma grande defesa, logo em seguida no contra ataque Pedro Cigano ganha na velocidade bate fraquinho sem leva perigo ao goleiro Janaílson,João Vitor arrisca de longe e Edson faz mais uma grande defesa,falta na enttrada da área Randson bate por baixo da barreira e a bola vai morrer no funda da rede abrindo o placar para a equipe do 13 de Maio.

veio a segunda etapa e o Athos era todo ataque criando garndes oportunidades de gols mas parava no parredão chamado Edson, e nos contra ataques o 13 de Maio quase aplia com Getúlio que bate fraquinho nas mão de Janaílson fim de jogo 13 DE MAIO 1 X ATHOS.

para a comissão técnica, o empenho e a determinação da equipe foi o fator que fez a diferença na partida, mostrando que a equipe vem crescendo a cada partida.

próximo compromisso será sábado dia 25/05 diantte a equipe da Seleção de Poço Dantas PB.

sexta-feira, 17 de maio de 2024

Inmet emite alerta de acumulado de chuvas para todo o Rio Grande do Norte

Alerta é válido até às 10h deste sábado (18).

Da redação
Por g1 RN


O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um novo alerta de acumulado de chuvas para todo o Rio Grande do Norte. O alerta é válido até às 10h deste sábado (18).

De acordo com o alerta, as chuvas podem variar entre 20 e 30 milímetros (mm) por hora ou até 50 mm por dia.

Ainda segundo o Inmet, há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

O Inmet recomendou que, em caso de rajadas de vento, a população não se abrigue debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas. Outras recomendações são de não estacionar veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda, bem como evitar usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

Alagamentos

Em Natal, várias ruas ficaram parcialmente intransitáveis por causa de alagamentos. Na Rua Tuiuti, no bairro Petrópolis, e atingiu a fiação de energia elétrica.

Em Nova Parnamirim, na Avenida Olavo Montenegro, a lama tomou conta da pista. Sem conseguir passar, alguns carros retornavam na contramão.

Geral: Governo federal anuncia Pix de R$ 5,1 mil para famílias do RS

Benefício será destinado a quem vive em áreas afetadas por catástrofe

Da redação
Por Pedro Rafael Vilela* - Repórter da Agência Brasil - Brasília


As famílias que perderam móveis, eletrodomésticos e outros objetos com as enchentes que devastaram o Rio Grande do Sul nas últimas semanas terão direito a um benefício de R$ 5.100 concedidos pelo governo federal. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (15) pelo ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa, durante visita da comitiva liderada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva a São Leopoldo do Sul, na região metropolitana de Porto Alegre. 

"A ajuda que hoje a gente verbaliza é uma ajuda para pessoas que perderam sua geladeira, seu fogão, sua televisão, seus móveis, seu colchão. Será atestado pela Defesa Civil de cada município, aquela poligonal, aquelas ruas onde as pessoas perderam seus objetos. Essas pessoas terão, de forma rápida, facilitada, via Caixa Econômica Federal, a transferência, nas suas contas, via Pix, de R$ 5.100", afirmou Costa.

Segundo o ministro, a estimativa inicial é que o benefício alcance cerca de 200 mil famílias, a um custo de R$ 1,2 bilhão. O procedimento será autodeclaratório e as autoridades vão cruzar dados para confirmar se a área onde a pessoa beneficiada vive está entre as atingidas pelas inundações.

O anúncio do governo faz parte de um pacote de medidas voltadas ao apoio direto à população atingida pela maior catástrofe ambiental da história do Rio Grande do Sul. Ao todo, 449 municípios foram afetados. Até a última atualização, na manhã desta quarta, foram registradas 149 mortes, 108 desaparecidos e mais de 800 pessoas feridas.

Novas habitações

Além do Auxílio Reconstrução, como foi batizado o benefício de R$ 5,1 mil para recuperação de bens, o governo federal anunciou outras medidas para as pessoas que tiverem suas casas destruídas pelas chuvas e enchentes nas áreas urbanas. O número de residências perdidas no estado ainda não foi levantado.

"O presidente Lula está garantindo que as casas que foram perdidas na enchente, aquelas que se encaixam dentro do perfil de renda do Minha Casa Minha Vida [faixas] 1 e 2, 100% dessas famílias terão suas casas garantidas de volta pelo governo federal", afirmou Rui Costa.

Pelas regras do programa habitacional, a faixa 1 compreende famílias com renda bruta familiar mensal de até R$ 2.640. Já a faixa 2 abrange famílias com renda entre R$ 2.640,01 e R$ 4.400.

Entre as medidas apresentadas, está a compra assistida de imóveis usados. Segundo o ministro Rui Costa, a ideia é que as pessoas que se encaixam na faixa de renda do programa possam buscar, desde já, opções de imóveis à venda nas suas cidades, que serão adquiridos a partir de avaliação da Caixa Econômica Federal.

"Aquelas pessoas que estão em abrigo, seja abrigo oficial ou estão abrigadas em casas de familiares, elas já podem procurar na sua cidade um imóvel à venda que o governo federal, através da Caixa, vai comprar a casa e entregar à pessoa", disse o ministro. A estratégia de reposição de casas em áreas rurais será anunciada posteriormente pelo governo.

Outra opção é a compra de imóveis diretamente das construtoras. O governo também vai abrir editais novos do Minha Casa Minha Vida a partir de demanda de déficit habitacional apresentada pelas próprias prefeituras, incluindo possibilidade de remodelação de imóveis já existentes para transformação em áreas residenciais.

FGTS e leilão de imóveis

O governo federal também vai permitir que trabalhadores com carteira assinada possam sacar do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), nas cidades atingidas, até o valor de R$ 6.220, independentemente da vedação legal que limita um intervalo de 12 meses entre um saque e outro, isso para permitir que pessoas que sacaram o FGTS nas enchentes do ano passado, no Vale do Taquari, possam acessar o recurso nas contas novamente.

Também foi anunciada a retirada de leilão de imóveis de pessoas inadimplentes, em financiamentos por meio dos bancos públicos federais. "Nós determinamos que todas as casas que estavam para leilão, aqui nas cidades atingidas, da Caixa e do Banco do Brasil, vamos retirar do leilão, o governo federal fará a quitação e entregará às famílias que precisam das casas", anunciou o ministro-chefe da Casa Civil.

Beneficiários do seguro-desemprego no Rio Grande do Sul terão direito a duas parcelas adicionais. Além disso, o governo concedeu pausa nos pagamentos de financiamentos de imóveis por 180 dias, além de carência de 180 dias para novos contratos.

Bolsa Família

O governo também informou que 21 mil novas famílias foram incluídas no programa Bolsa Família no Rio Grande do Sul. Além disso, as parcelas do pagamento do auxílio serão antecipadas no estado para o próximo dia 17.

Restituição do IR

Em outro anúncio, Rui Costa confirmou que o primeiro lote de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) será pago no próximo dia 31 de maio para todos os contribuintes do Rio Grande do Sul que fizeram a declaração. O lote tem valor de R$ 1,1 bilhão.

Terceira visita

O presidente Lula chegou ao Rio Grande do Sul pela manhã, em sua terceira visita ao estado desde o início da tragédia. Ele visitou um abrigo público em São Leopoldo e, na sequência, se reuniu com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite.

*Matéria ampliada às 16h25 e às 16h40

Edição: Lílian Beraldo

RN: Serviços de conclusão do desvio na BR-304 são paralisados

Da redação
Por Tribuna do Norte


Os serviços de conclusão do desvio da BR-304, em Lajes, foram paralisados na manhã desta sexta-feira (17), dia em que a entrega da obra estava prevista. De acordo com o superintendente Federal do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Getúlio Batista, o motivo foram as fortes chuvas que atingiram o Estado desde a quinta-feira (16). O último boletim da Emparn, no entanto, não contabilizou chuvas nas últimas 24h na região.

“Hoje cedo acompanhando os trabalhos no desvio na BR-304. Infelizmente devido as fortes chuvas desde ontem, os serviços tiveram que ser paralisados”, escreveu o superintendente por meio de publicação nas redes sociais. Já em postagens anteriores, correspondentes ao fim da tarde dessa quinta-feira (16), ele compartilhou o andamento dos trabalhos seguindo o ritmo normal.

Até o momento, o DNIT não informou se uma nova data será estabelecida para entrega da obra. Em nota, o Orgão informou que a execução do pavimento depende de condições climáticas favoráveis para que sejam concluídos. “As equipes da autarquia estão atuando diuturnamente para finalizar a obra o quanto antes. Na madrugada desta sexta-feira (17) os trabalhos estavam a todo vapor com a aplicação da primeira camada de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ) em parte do desvio, porém devido às chuvas na região, a ação precisou ser interrompida”, disse.

Além de aplicação da camada de CBUQ em parte do trecho, o DNIT reforçou que as equipes estão realizando a colocação de brita graduada em outro trecho. Quando concluída esta etapa da pavimentação, que prevê – conforme o projeto – a aplicação de duas camadas de CBUQ em todo o desvio, será implantada a sinalização horizontal e vertical, visando a segurança dos usuários.

O desvio começou a ser construído na primeira semana de abril e tinha previsão inicial de 15 dias, mas teve prazo modificado em razão das chuvas, segundo informou o Dnit. O investimento total para a obra do desvio é de R$ 6,1 milhões.

Conforme apontado pelo chefe de planejamentos e projetos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Francisco Igor, em matéria publicada na Tribuna do Norte, a expectativa do órgão seria entregar a obra nesta sexta-feira. “Evidentemente, isso fica em função da capacidade de execução. É uma estimativa que a gente faz. Espero que não chova, a precipitação tem diminuído”, disse.

quinta-feira, 16 de maio de 2024

Operação da Polícia Civil combate grupo de extermínio responsável por mais de 40 mortes na Grande Natal

Um homem foi preso em Extremoz, na Grande Natal, nesta quinta-feira (16).

Da redação
Por g1 RN


A Polícia Civil prendeu nesta quinta-feira (16) um integrante de grupo de extermínio em Extremoz, na Grande Natal. De acordo com as investigações, o grupo é responsável por mais de 40 mortes na região, além de extorsão, tráfico de drogas e vendas de munições e armas ilegais.

A operação contou com a participação de policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), com apoio da Polícia Federal, por meio da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO), e da Polícia Militar.

*Essa matéria está em atualização.

segunda-feira, 6 de maio de 2024

América-RN controla Atlético-CE na Arena e vence primeira na Série D 2024

Time potiguar bate Águia com gols de Norberto, Alan e Gustavo Henrique; Mecão fatura primeira vitória na disputa; rival cearense segue sem vencer

Da redação
Por ge RN

FESTA DO MECÃO

O América-RN venceu por 3 a 0 o Atlético-CE em jogo válido pela segunda rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. O jogo entre as equipes foi disputado neste domingo, na Arena das Dunas, em Natal. Os gols da partida foram marcados por Norberto Alan e Gustavo Henrique. Com a vitória, o Mecão tem seu primeiro triunfo registrado. A Águia da Precabura não tem nenhuma vitória na disputa.
Primeiro tempo

O América-RN comandou por toda etapa. O primeiro tempo todo foi de pressão da equipe, que viu o Atlético-CE se defender como pôde. Foram uma chuva de finalizações por parte do Mecão, que abriu o placar após muita insistência. Os donos da casa aproveitaram a falha da defesa rival, Rafinha acionou Norberto, que finalizou cruzado, no canto. Depois, a pressão persistiu e Souza, em cruzamento preciso, mandou para Alan escorar de cabeça e fazer o segundo gol.
Segundo tempo

O segundo tempo foi mais tímido por parte da equipe visitante. A Águia da Precabura continuou com dificuldades e não conseguiu avançar e diminuir o placar. Por mais que não chegasse a mais um gol, o América-RN ainda criou e veio marcar somente no final com Gustavo Henrique, de cabeça.
Próximos jogos

No dia 11 de maio, o América-RN visita o Santa Cruz-RN, às 15h, no estádio Barrettão, em Ceará-Mirim, no Rio Grande do Norte. No mesmo dia, o Atlético-CE visita o Iguatu, às 16h,no estádio Morenão, em Iguatu, no Ceará.

URGENTE: Jovem entregador de Açay morre em acidente na BR 405 entrada de José da Penha/RN

Da redação
Com informações do Nosso Paraná RN

Um entregador de açaí morreu vítima de acidente de transito na altura do KM 175 da BR 405, em frente ao matadouro publico de José da Penha, região alto oeste. O sinistro ocorreu por volta das 19h, deste domingo(05).

A vítima fatal foi identificada por João Paulo.

A PM isolou o local e equipes da PRF , ITEP e Polícia civil foram acionadas.

Ainda não se sabe as causas e circunstancias como ocorreu a fatalidade.

Justiça: Prazo para emitir e regularizar título de eleitor termina dia 8

Data vale também para transferêncis de domicílio eleitoral

Da redação
Por Agência Brasil - Brasília


Quem precisa regularizar a situação de seu título eleitoral ou emitir o documento pela primeira vez tem até a próxima quarta-feira (8) para tomar providências a tempo de votar nas eleições municipais de outubro.

O prazo serve também para a transferência do domicílio eleitoral, caso o eleitor tenha mudado de endereço, indo morar em bairro ou município de outra zona eleitoral, por exemplo. É possível somente atualizar informações cadastrais, se necessário. Vale lembrar que, neste ano, devido ao caráter local das eleições, não há possibilidade de voto em trânsito.

A data final de 8 de maio para a realização dos procedimentos está prevista na legislação eleitoral, e após esse dia qualquer alteração no cadastro eleitoral somente poderá ser realizada depois da votação deste ano.

O pleito está marcado para 6 de outubro, com eventual segundo turno em 27 de outubro. Neste ano, os eleitores vão votar para os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador.

Primeiro título e biometria

Quem vai tirar o seu primeiro título de eleitor precisa necessariamente comparecer a um cartório eleitoral para se alistar. Qualquer pessoa que tenha 16 anos na data da votação pode solicitar o documento que a qualifica a votar.

Precisam comparecer ao cartório eleitoral mais próximo os eleitores que ainda não possuem o cadastro de biometria.

É necessário levar um documento de identificação, preferencialmente com foto, que pode ser o registro geral (RG) ou a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), por exemplo. São aceitas certidão de nascimento ou de casamento.

Podem ser solicitados comprovantes de residência e, no caso de homens que pedem o primeiro título no ano em que completam 19 anos, o certificado de quitação militar.

De acordo com a Constituição, o alistamento e o voto são obrigatórios a partir dos 18 anos de idade, e facultativos aos jovens de 16 e 17 anos, aos maiores de 70 anos e às pessoas analfabetas.

Transferência de domicílio

Para a transferência de domicílio eleitoral, é necessário comprovar vínculo com a localidade em que o eleitor pretende votar. “Os vínculos podem ser residencial, afetivo, familiar, profissional, comunitário ou de outra natureza que justifique a escolha da localidade”, informa a Justiça Eleitoral.

O procedimento, nesse caso, pode ser feito pela internet, por meio da plataforma Título Net.

Para requerer a transferência, é necessário que o eleitor resida há pelo menos três meses no novo município e já tenha transcorrido, no mínimo, um ano da data do alistamento eleitoral ou da última transferência do título. Estão isentos dessa condição os servidores civis ou militares, bem como seus familiares, que tenha se mudado em decorrência de transferência ou remoção.

Edição: Maria Claudia

Quase 850 mil pessoas foram afetadas por chuvas no Rio Grande do Sul

Total de mortes no estado sobe para 78

Da redação
Por Rafael Cardoso - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro


Quase 850 mil pessoas (844.673) foram impactadas até o momento pelas chuvas fortes que atingem o Rio Grande do Sul desde a semana passada. O boletim mais recente da Defesa Civil - divulgado às 18h deste domingo (5) - indica que há 78 mortes confirmadas e pelo menos mais quatro em investigação. O número de feridos é de 175 e há 105 desaparecidos.

Por causa do mau tempo, 134.331 pessoas tiveram de abandonar as casas em que vivem, sendo que 115.844 estão desalojadas e outras 18.487 vivem em abrigos. Dos 497 municípios gaúchos, 341 foram afetados por alguma ocorrência relacionada às chuvas.

A última catástrofe ambiental no Rio Grande do Sul foi em setembro de 2023, quando 54 pessoas morreram depois da passagem de um ciclone extratropical.

Agora, o total de mortes está bem acima do anterior e é considerado por autoridades como o pior desastre climático da história gaúcha.

Serviços de infraestrutura

No boletim mais recente, também há informações sobre os serviços de infraestrutura estaduais, reunidos pelas Secretarias do Meio Ambiente e Infraestrutura, de Logística e Transportes e da Educação.

Pelo menos 261 mil pontos do estado estão sem energia elétrica (27% do total de clientes) e mais de 854 mil estão sem abastecimento de água (27% do total).

As chuvas provocam danos e alterações no tráfego nas rodovias. São 110 trechos em 61 rodovias com bloqueios totais e parciais, entre estradas e pontes. As informações são do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer). Segundo a Secretaria de Logística e Transportes (Selt), há um trabalho em curso para desobstruir as estradas o mais rápido possível.

Também foram divulgados dados em relação às escolas afetadas pelas enchentes, o que inclui as que foram danificadas, servindo de abrigo, com problemas de transporte e de acesso, entre outras questões. Nessa situação, há 733 escolas em 229 municípios, com 247.228 estudantes impactados.

Alerta

A Defesa Civil informa que - para aumentar o nível de prevenção - as pessoas podem fazer um cadastro e receber alertas meteorológicos do órgão. Basta enviar o CEP da localidade por SMS para o número 40199. Uma confirmação vai ser enviada e o número ficará disponível para receber as informações.

Também é possível se cadastrar pelo Whatsapp: número (61) 2034-4611. Um robô de atendimento fará a interação e o usuário poderá compartilhar a localização atual ou qualquer outra de interesse para receber as mensagens da Defesa Civil.

Edição: Kleber Sampaio

sexta-feira, 3 de maio de 2024

Ministério da Agricultura reconhece RN como estado livre da febre aftosa sem vacinação

Portaria do governo federal foi publicada na quinta-feira (2). Mudança de status facilita transporte de animais e negócios.

Da redação
Por g1 RN


Uma portaria do Ministério da Agricultura e Agropecuária (Mapa), publicada nesta quinta-feira (2), mudou o status do Rio Grande do Norte para um estado livre da Febre Aftosa sem vacinação. A medida foi celebrada por gestores e produtores rurais locais.

Com o reconhecimento, o Rio Grande do Norte passa a compor a lista de estados que, a partir do próximo semestre, não dependerão mais de campanhas de vacinação contra a doença, porque seu rebanho bovino e bubalino alcançou um número significativo de animais imunizados.

Segundo o titular da Secretaria Estadual de Agricultura Pecuária e Pesca, Guilherme Saldanha, o RN possui um rebanho de qualidade, embora pequeno, quando comparado a outros estados. Com o status de livre da aftosa, os produtores locais têm maior facilidade de transporte dos animais dentro do país e até mesmo para exportação.

“No dia 1º de maio, na maior exposição de gado Zebu do Brasil, animais do RN foram vencedores em várias categorias, entre várias raças. Sem esse reconhecimento do Mapa, esses animais ficariam proibidos de serem transportados do nosso estado para outros estados do país. O momento agora é de celebrar o que essa portaria vai proporcionar de avanço econômico para pequenos, médios e grandes criadores ”, comemorou Saldanha.

Para o diretor geral do Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária (Idiarn), Mário Manso, a portaria do Mapa terá benéficos em diferentes escalas e valorização a produção local.

“Já não registramos casos de febre aftosa no RN há mais de 20 anos. No entanto, a vacinação semestral era obrigatória para manter esse reconhecimento de área livre da doença. A mudança desse status para uma área livre sem vacinação valoriza a produção agropecuária e abre portas para novos mercados, nacionais e internacionais, equiparando o Rio Grande do Norte a outros estados que já possuíam o selo e nos tornando fornecedores de produtos de origem animal”, reforçou.

Para os produtores rurais, também existe a vantagem econômica, em não precisar mais comprar a vacina e pagar mão de obra especializada para a aplicação.

Declaração dos animais vacinados

Apesar do reconhecimento, o governo do Rio Grande do Norte informou que os animais vacinados em abril devem ser declarados até o dia 15 de maio, em qualquer escritório Idiarn, Emater ou nas secretarias de agricultura dos municípios.

Segundo o governo, a declaração é requisito essencial para que o selo seja validado pela Organização Mundial de Saúde Animal e, assim, o Brasil seja considerado um país livre da Febre Aftosa sem vacinação por inteiro.

Com o fim da última imunização contra febre aftosa para o Rio Grande do Norte, outros 11 estados e parte do Amazonas, o Brasil se autodeclarou totalmente livre da febre amarela sem vacinação, nesta quinta-feira (2).

O Brasil prevê apresentar o pleito ao reconhecimento para à Organização Mundial de Saúde Animal em agosto de 2024. Já o resultado, se aprovado, será apresentado em maio de 2025, durante assembleia geral da entidade.

NATAL: Juiz aponta falhas que facilitaram a fuga de dois presos em Alcaçuz

Da redação
Por Tribuna do Norte


Dois dias após a fuga de dois presos da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta, o juiz titular da Vara de Execuções Penais de Natal, Henrique Baltazar dos Santos, fez questionamentos ao processo de seleção dos presos para o trabalho nas unidades penais do Rio Grande do Norte. A observação do magistrado se deu pelo fato de que os dois apenados que fugiram da unidade estavam trabalhando numa oficina e aproveitaram o caminho livre para fugir da prisão. Baltazar também criticou o processo de videomonitoramento e disse que a fuga é consequência de uma “série de fatores”. Nesta semana, a Secretaria de Estado da Administração Penitenciaria (Seap) afastou quatro policiais penais e não descarta novos afastamentos.

“A primeira falha é a escolha dos tais presos classificados. O Estado tem procurado colocar presos para trabalhar, o que é correto e recomendado pelo CNJ, mas a escolha me parece que não foi muito bem feita, tanto que colocaram dois presos com penas altíssimas para trabalharem. E o preso que trabalha tem certas facilidades que podem facilitar a fuga. Segundo: houve algum problema no sistema de vigilância eletrônica, pois o Estado optou por isso nos presídios. As guaritas raramente há policiais nelas, com a vigilância sendo feita por câmeras. E ninguém viu. Teoricamente deveria haver policiais tanto no presídio como na central de monitoramento vendo essas câmeras e identificado essa situação”, apontou Baltazar.

Nesta quinta-feira (02), a Secretaria de Estado da Administração Penitenciaria do Rio Grande do Norte (Seap-RN) anunciou que abriu uma sindicância para apurar eventuais negligências de policiais penais na fuga dos dois presos na Penitenciaria Estadual Rogério Coutinho Madruga, localizada em Nísia Floresta, no Complexo de Alcaçuz. A pasta disse ainda que antes da fuga já havia identificado a entrada de celulares na unidade, mesmo com aparelhos body-scans funcionando. Foram pelo menos três aparelhos apreendidos durante uma “revista estrutural” no intervalo de um mês.

“Insisto nisso: há uma suposta negligência neste caso em específico. Reitero que o efetivo da unidade é formado por policiais de total confiança, qualificados, mas infelizmente parece que algumas pessoas não cumpriram com o seu papel e prejudicando as pessoas que querem trabalhar direito”, disse.

O titular da pasta disse que os presos trabalhavam numa oficina de manutenção e saíram andando pela unidade sem grandes dificuldades até chegar a pista. “Preso não pode sair sozinho”, disse. Helton Edi Xavier apontou também que a última informação é de que os presos estavam em uma região no litoral Sul, nas imediações da praia de Cotovelo.

Em vídeos de monitoramento da central é possível ver que os presos abrem a porta da oficina, que deveria estar fechada e não estava, e saem andando pelo pavilhão 2 da Penitenciaria Rogério Coutinho Madruga. O titular Helton Edi Xavier disse ainda que os presos não eram classificados para trabalho, mas sim sendo selecionados de maneira subjetiva. Segundo o secretário, a Seap está em vias de implantação de uma classificação dos presos nas unidades penais do RN, com alguns presos já sendo classificados mediante um processo interno.

“O processo de classificação é algo que estamos implantando no RN e que atende protocolos internacionais na ONU e previsto na Lei de Execuções Penais e é um processo científico, método e critérios objetivos. Esses presos que fugiram não passaram por isso. Apesar de já termos classificados alguns presos desse presídio, esses dois não tinham passado por isso. E por quais razões eles estavam trabalhando? Porque há uma praxe no país inteiro de se selecionar pessoas para o trabalho de forma subjetiva que é justamente o contrário do processo de classificação”, afirmou o secretário.

Os indivíduos, identificados como Gustavo da Rocha Dias, 30 anos; e Ricardo Campelo da Silva, 43 anos, fugiram da penitenciária na tarde de terça-feira (30). Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária do Estado (Seap), há recompensa para quem tiver informações sobre os presos. O sigilo do informante será assegurado. As denúncias podem ser feitas pelo telefone 190 da Polícia Militar, 181 da Polícia Civil ou pelo telefone (84) 3204-6811.

quinta-feira, 25 de abril de 2024

Justiça determina encerramento da greve dos policiais civis no RN

Decisão impõe ainda uma multa diária de R$ 5 mil - limitada ao valor total de R$ 100 mil - em caso de descumprimento. Paralisação começou na terça (23).

Da redação
Por g1 RN


O desembargador Dilermando Mota, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, determinou nesta quarta-feira (24) o encerramento imediato da paralisação dos policiais civis no estado, que começou na terça (23).

O magistrado deferiu um pedido feito pelo Ministério Público do RN. Na decisão, o desembargador determinou o restabelecimento integral dos serviços da polícia judiciária de forma plena no RN.

A decisão impõe ainda uma multa diária de R$ 5 mil - limitada ao valor total de R$ 100 mil - em caso de eventual descumprimento.


O Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (Sinpol) informou que não foi notificado oficialmente da decisão até às 15h desta quarta.

Na análise, o magistrado destacou que, em virtude do caráter essencial das atividades paralisadas, é “certo que o indeferimento de qualquer medida acautelatória, nesse momento, poderá gerar risco de prejuízos irreparáveis ou de difícil reparação à sociedade local, intimamente relacionados a valores de índole constitucional superior (segurança e ordem públicas)".

LEIA TAMBÉM


O desembargador destacou ainda na decisão o entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) de que o exercício do direito de greve, sob qualquer forma ou modalidade, "é vedado aos policiais civis e a todos os servidores públicos que atuem diretamente na área de segurança pública".

O entendimento cita ainda que é "obrigatória a participação do Poder Público em mediação instaurada pelos órgãos classistas das carreiras de segurança pública, nos termos do art. 165 do CPC, para vocalização dos interesses da categoria”.

No primeiro dia de paralisação, nenhuma delegacia abriu para funcionamento em Natal - nem mesmo as de plantão. Até os boletins de ocorrência on-line foram afetados, já que não havia policiais para homologá-los.

Na noite do dia 23, a Central de Flagrantes em Natal e a Delegacia de Plantão de Parnamirim foram abertas para registrar boletins emergenciais. Nesta quarta-feira (24), a delegacia de plantão da Zona Norte também foi aberta.

Paralisação

No dia 9 de abril, os servidores da Polícia Civil e da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed) sinalizaram uma paralisação por tempo indeterminado visando negociação de valorização salarial.

No dia 15 deste mês, os servidores da Polícia Civil decidiram suspender as diárias operacionais e cogitaram iniciar greve caso as reivindicações da categoria não fossem atendidas.

Dias depois, uma das reivindicações da categoria, o auxílio-fardamento, foi aprovada por unanimidade na Assembleia Legislativa. A proposta é de autoria do governo do RN.

Na terça-feira (23), os policiais civis iniciaram uma paralisação das atividades em todo o estado. A decisão foi tomada pela categoria em assembleia na noite de segunda (22), após uma nova rodada de negociação com o governo do RN, que terminou sem acordo.

Juka Kfouri: O Palmeiras é uma coisa muito séria

Da redação com UOL
Por Juca Kfouri


O menino Kendry Páez, 16, não deu sossego à defesa do Palmeiras enquanto Endrick andou sumido quase até o intervalo do jogo entre Independiente del Valle e Palmeiras, na altitude de Quito.

Os equatorianos se impuseram, os brasileiros só se defenderam, Kendry fez lindo gol aos 12 minutos, deu outro para Hoyos, aos 37, e Endrick só apareceu aos 46.

Mas como apareceu!

Rony cruzou da esquerda e o menino chegou antes do goleiro para cabecear e diminuir o prejuízo, capaz de dar esperanças para o segundo tempo.

Justo não era, mas nada é mais injusto do que jogar na altitude de 2.850 metros.

O segundo tempo seria ótima oportunidade para ver quem venceria o embate entre o brasileiro que defenderá o Real Madrid e o equatoriano que jogará no Chelsea.

O Palmeiras voltou mais agressivo, aceitando menos a pressão do Del Valle, correndo riscos, mas jogando.

E Abel Ferreira foi mexendo, renovando pernas e pulmões até que, aos 36, Lázaro, que havia substituindo Rony, recebeu passe cavado de Flaco López, que entrou no lugar de Endrick, ambos 4 minutos antes, e o Palmeiras empatou 2 a 2, resultado excelente por todas as circunstâncias.

Digno de aplausos em pé.

Duro seria mantê-lo, maravilhoso seria mudá-lo para 3 a 2 a favor.

Os cinco minutos de acréscimos beiravam a crueldade e viraram o paraíso.

Porque Lázaro acertou o passe para Luís Guilherme, que havia substituído Raphael Veiga, marcar um golaço de fora da área: 3 a 2.

O Equador nunca mais esquecerá do Palmeiras, que infligiu a segunda derrota ao Del Valle em casa em mais de 30 jogos pela Libertadores.

sexta-feira, 19 de abril de 2024

RN registra primeira morte por dengue em 2024

Vítima é uma mulher do município de Itaú. Morte aconteceu em março e a confirmação da causa se deu na última semana pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap).

Da redação
Por Amanda Melo, g1 RN e Inter TV


O Rio Grande do Norte registrou a primeira morte causada por dengue em 2024. A morte aconteceu em março e a confirmação da causa se deu na última semana pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap).

A vítima é uma mulher que morava em Itaú, no Alto Oeste potiguar, e ficou internada no hospital de Pau dos Ferros. A informação foi confirmada pela família.

De acordo com o último boletim epidemiológico, o RN tem 15.183 casos prováveis de dengue, sendo 2.281 já confirmados. O número de casos prováveis este ano já é maior do que o registrado em todo o ano de 2023, quando foram contabilizadas 12.048 ocorrências.

Nesta quinta, o Ministério da Saúde orientou a ampliação da faixa etária para vacinação contra a dengue. A Sesap orientou que os municípios seguissem a recomendação.

Governo sanciona lei que cria 180 cargos no Idema com salários a partir de R$ 4,8 mil

Lei prevê vagas para Analista Ambiental, Analista Administrativo e Fiscal Ambiental. Órgão ainda não tem prazo para realização de concurso público.

Da redação
Por g1 RN


O governo do Rio Grande do Norte sancionou uma lei que cria 180 cargos efetivos no Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema). O texto foi publicado nesta sexta-feira (19) no Diário Oficial do Estado.

Segundo a lei, todos os cargos terão salário inicial de R$ 4.882,69, podendo chegar a R$ 7.655,42 de acordo com o nível de progressão na carreira.

Apesar da criação das vagas e da previsão de concurso, na lei, o governo do estado e o Idema ainda não têm um prazo para lançamento de edital.

Os cargos criados são de nível superior e distribuídos da seguinte forma:
  • 113 cargos de Analista Ambiental
  • 27 cargos de Analista Administrativo
  • 40 cargos de Fiscal Ambiental
Analista Ambiental

A lei prevê que o Analista Ambiental deverá atuar em áreas ligadas à atividade-fim do órgão ambiental do estado. Entre outras tarefas, os profissionais deverão elaborar e executar planejamento ambiental, organizacional e estratégico; definir padrões e parâmetros ambientais; regular, licenciar e avaliar impactos ambientais e auditoria ambiental; analisar estudos e projetos ambientais inerentes ao processo de licenciamento ambiental; emitir relatórios, pareceres técnicos e realizar perícias técnicas; analisar, ordenar e gerir recursos florestais; e conservar ecossistemas e espécies.

Os cargos de Analista Ambiental serão distribuídos em diferentes áreas de conhecimento, como: biologia; geografia; agronomia; engenharia ambiental; engenharia elétrica; engenharia florestal; engenharia química; geologia; arquitetura; engenharia civil; engenharia de petróleo e gás; gestão ambiental; oceanografia; entre outras áreas correlatas.

Analista Administrativos

Os analistas administrativos serão mais ligados à burocracia do órgão, responsáveis por planejar, elaborar e executar atividades relacionadas com recursos humanos; estrutura organizacional; planejamento, orçamento, patrimônio e material; informar e documentar processos, compras, e finanças; elaborar o orçamento anual e suas reformulações; acompanhar a execução e fiscalização de contratos e convênios; prestar apoio técnico na preparação de Audiências Públicas e reuniões técnicas internas; emitir relatórios estatísticos; entre outras funções.

Os cargos serão distribuídos em áreas de conhecimento como administração; biblioteconomia; contabilidade; economia; jornalismo; direito; e áreas correlatas.

Fiscal Ambiental

Já o Fiscal Ambiental, segundo a lei, deverá executar tarefas relacionadas ao poder de polícia ambiental, como fiscalizações de atividades e obras capazes de provocar a degradação ambiental, realizar apreensão de bens materiais e instrumentos utilizados na prática de infração ambiental; suspender e embargar de obras ou atividades que se enquadram como infrações ambientais; elaborar relatórios de vistoria e autos de constatação; lavrar autos de infração ambiental e instaurar processo administrativo relativo a infrações administrativas ambientais; e fiscalizar e monitorar as atividades autorizadas ou licenciadas, conferindo o cumprimento das condicionantes e das validades do documentos.

Acima do limite de gastos com pessoal previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal, o governo ainda aguarda uma autorização do Tribunal de Contas do Estado para conseguir fazer o concurso público para o órgão ambiental.